Antes de morrer de câncer, adolescente arrecada R$ 11,8 milhões para instituição

 O britânico com câncer que ganhou popularidade ao se propor a cumprir uma lista de desejos antes de morrer e que arrecadou 11,8 milhões de reais contra a doença morreu nesta quarta-feira, aos 19 anos.

Stephen Sutton, de Staffordshire (centro da Inglaterra), decidiu não desanimar quando foi diagnosticado com câncer de intestino e se propôs a cumprir uma lista de 46 desejos.

Além disso, o jovem havia expressado seu desejo de juntar 10.000 libras (16.000 dólares) para o Teenage Cancer Trust, uma fundação de luta contra o câncer dos adolescentes, e acabou arrecadando 11,8 milhões de reais (3,2 milhões de libras, 3,9 milhões de euros e 5,3 de dólares).

Sua mãe comunicou a morte na página de Sutton no Facebook.

O primeiro-ministro, David Cameron, o descreveu como “uma inspiração”: “Estou profundamente triste por saber que Stephen Sutton morreu. Por sua energia, sua coragem, sua busca de dinheiro contra o câncer, foi uma inspiração”, escreveu no Twitter.

Apoiado por Jason Manford, ator e apresentador da televisão britânica, Sutton lançou sua campanha em janeiro de 2013 para manter o público informado sobre o avanço de sua doença. Desde então recebeu o apoio de muitas personalidades.

Dos 46 desejos de sua lista, Sutton realizou uma parte, entre eles tocar bateria diante de 90.000 pessoas durante a final da Liga dos Campeões no estádio de Wembley em 2013, dar uma volta em um quadriciclo, beijar um elefante e saltar de paraquedas.

Anúncios