Dia da Poesia – Poema Rascunhado

Poema rascunhado

Num pedaço de papel
meio velho e rasgado,papel-amassado-amassado_2475857.jpg
com o lápis comecei
meu poema rascunhado.

Pensei em rimas primorosas
que me lembrassem teu sorriso
veio a ideia de rimar rosas…
mas não é bem o que preciso.

Depois de alguns trechos
de grandiosidade e eloquência,
entendi que o desfecho
carecia de coerência.

A borracha apagou macia
as letras cursivas no papel,
mas a ideia não cabia
no desejo da menestrel.

As estrofes ficaram confusas,
as rimas ficaram amorfes;
a métrica ficou difusa,
os versos se tornaram holomorfes.

Que coisa mais desditosa
foi o que a poeta fez:
rasgou a rima desairosa
e o poema se desfez.

Semíramis Alencar.
14/03/2013 – Dia nacional da Poesia
Licença Creative Commons
O trabalho Poema rascunhado de Semíramis Alencar foi licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em https://nequidnimis.wordpress.com/2013/03/14/dia-da-poesia-poema-rascunhado/.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença emhttps://nequidnimis.wordpress.com.

Anúncios