Toques de mídia para divulgar seus trabalhos na Internet – Semíramis Alencar

Toques de mídia para divulgar seus trabalhos na Internet

Semíramis Alencar

A Internet, como todos sabemos, constitui uma poderosa ferramenta de divulgação e compartilhamento de idéias.

Entretanto devemos canalizar bem essas atividades para que não caiamos no vazio e não desperdicemos tempo tão necessário que fortifique nossas ações de divulgação em massa
.
Abaixo, seguem algumas dicas de como otimizar o tempo na divulgação, de forma à levar a informação ao maior número de pessoas possível, sem abrir mão do bom senso e bom gosto, na maior parte de ferramentas.

1- Esteja certo de ter ou produzir um conteúdo significativo constatante antes de espalhar pela internet. Vídeos, fotos, documentários, filmes, artigos, poesias e arquivos de áudio são muito bem vindos, essencialmente se a atividade que você visa divulgar carece de que as pessoas conheçam seu trabalho com profundidade.

2- Disponibilize-as nos lugares certos. Vídeos no Youtube, Imagens nos compartilhadores de imagem (FlickR, Picasa, Photobucket, etc) ou você pode criar um blog onde você pode e deve colocar todo esse conteúdo e muito mais – como artigos, poesias etc. As plataformas de blog que eu mais indico – por sua praticidade e aspecto profissional, são o Blogger e o WordPress (WP), mas há uma infinidade de outros provedores.

3- Redes Sociais – Agora que vc já tem um blog é interessante que você os divulgue nas redes sociais e esteja aberto aos convites que te surgirem. De nada val você ter uma rede social se você só adiciona conhecidos e não compartilha suas postagens e links. Uma dica especial é a que você vincule seus blogs e contas do youtube ao Facebook, Orkut e Twitter, assim você não precisará ficar adicionando links toda hora. Na sessão “adicione um atalho ao seu site” no Facebook (FB)e nas configurações do Orkut e do Twitter (conceder permissões) é fácil fazer essas conexões. Isso sem contar com os plugins sociais do Facebook e janelas com um resumo conteúdo do blog/site fornceidos pelo Widgetbox que além de serem atraentes são fáceis de serem colocados nas páginas (alguns sites como o WP já oferecem os plugins para FB e Twitter

4- Nunca, eu disse, NUNCA, escreva em caixa alta num texto. É deselegante, parece que você está gritando com o seu interlocutor ou dando uma de desesperado. NUNCA repita um conteúdo – essa história de colocar sempre o mesmo vídeo, sempre a mesma música, a mesma mensagem dá na paciência, cai no vazio. NUNCA fale demais de si mesmo, pode soar prepotente e arrogante e nada de postar currículos em páginas pessoais, perfis, blogs, etc, é constrangedor. Há locais onde você poderá fazer isso, como numa página de contato no seu blog – vide a minha em http://educandooamanha.blogspot.com/p/contato.html ou em https://nequidnimis.wordpress.com/contactum/ como exemplos de como deve ser feita, isso é bem legal, afinal as pessoas querem te conhecer depois de algumas várias postagens. Caso você estiver interessado que determinado perfil observe o seu currículo, envie um e-mail a este, com uma carta de apresentação no corpo do e-mail e o currículo anexo.

5- Procure ser o mais objetivo possível. Apesar da Internet ser um veículo de compartilhamento geral de informações, algumas longas e outras breves ou moderadas, você há de convir que existe espaço para tudo. As redes sociais são excelentes para essas comunicações breves – um pensamento, uma frase, uma imagem e uma poesia, um link para vídeo, a recomendação para um site. Evite de colocar nas redes sociais longos textos – deixe isso para os blogs. Afinal, blog, para quem não sabe, vem de Web log (diário de bordo)

6- Você não vai ao casamento de sunga e nem à praia de smoking. Fique atento para não confundir as coisas. Não use linguagem coloquial num site onde você disponibilize seu conteúdo profissional – como um portfólio on-line. Vale lembrar que linguagem coloquial não é a linguagem com erros de português, indecências, impropérios, etc. é a linguagem que você usa com um amigo. Da mesma forma, nas redes sociais evite o tom formal – isso afasta as pessoas. Evite também psedônimos ou crises de identidade, imagens misteriosas, etc. – isso é considerado “coisa de velho”, antiquado, uma vez que, no início da internet as informações sobre a rede mundial de computadores era algo desconhecido e era aconselhável que se usasse nicks (apelidos) (além do que algumas pessoas poderão o classificar como fake e você nunca ser aceito por nenhuma pessoa ou comunidade ). O mais bonito da rede é se assumir, mesmo porque se você não faz nada de errado na rede não há razões para você ter um “nome fantasia”.

7- Miguxice e falta de assunto… ai ai ai, eu nem gosto de pensar sobre isso pois as pessoas acabam me chamando de anti-social. Marcar um perfil que você não conhece direito com um mooonte de imagens com mensagens no FB, mandar scraps diários pelo Orkut que não tem nada a ver com o gosto pessoal das pessoas adicionadas (para isso, antes de adicionar qualquer pessoa, observe o perfil dela, leia sobre ela, veja seus gostos, observe suas colocações) Evite ir na página principal de qualquer pessoa para colocar vídeos, imagens, links sem que a pessoa tenha te permitido. Só faça tais coisas se a pessoa tiver te permitido postar seu conteúdo pessoal em suas páginas.

8- Evite as saias justas de uma cantada desastrosa – observe no perfil da pessoa qual o tipo de relacionamento dela – se ela é casada, se é solteira, namorando, viúva ou “tico-tico no fubá”. Meninos, não saiam passando cantadas no primeiro rabo de saia bonito que vocês verem pela frente pois isso poderá acarretar sérios problemas à moça que tiver um maridão ou namorado ciumento…. as pessoas perderam os limites. Redes sociais para relacionamentos até existem, se é esse seu caso, corra para lá.

9- EVITEM, estou sendo bem incisiva nessa questão, de postar vídeos daqueles “momentos enlouquecidos” com gracinhas diante da câmera. Há pessoas que pegam determinados vídeos no Youtube (tipo, pessoas numa boate dançando, casais se namorando, etc.) e modificam a “idéia” principal daquele vídeo – por exemplo, pessoas ligadas às redes de prostituição internacional pegam um video desses colocados ingenuamente na Internet e editam como propaganda de facilidades sexuais no Brasil. Conforme falei anteriormente, bom senso é essencial. Mesmo porque diversas empresas checam o perfil de seus funcionários na Internet, de modo a observar seu dia a dia, com quem tem contato, com quem são envolvidos, quais suas filosofias de vida, etc – Está cada vez mais difícil de se confiar em alguém hoje em dia.

10- Pelo amor de Deus, chequem e-mails antes de sair repassando. Não enviem aos seus amigos correntes, como orações, novenas, a não ser que a pessoa compartilhe da mesma fé que você. Não lote a caixa de e-mails com missivas desesperadas de mães e pais que procuram seus filhos, teorias da conspiração, ameaças de víru, de atentados, etc, chequem a veracidade das informações, a maioria desses e-mais são HOAXES (Hoax = boato) tem até sites para isso, um muito bom que uso sempre e tento alertar aos amigos é o http://e-farsas.com

Bom lembrar que todo conteúdo que postamos na Internet é de nossa inteira responsabilidade. Quanto mais nos esforçarmos para manter a clareza, a coerência e o bom senso nas nossas relações virtuais melhor será o compartilhamento de idéias e conhecimentos na rede. Espero que essas dicas sejam bem aproveitadas! Esperem ansiosos pela segunda lista de toques de mídia! Há ainda muito conteúdo a ser compartilhado.

Abraços,

Semíramis Alencar

http://facebook.com/semiramisalencar
http://twitter.com/semiramsalencar

images?q=tbn:ANd9GcSXjKAm8VhZKBW5ytStb_M21olpYAmnJn6VYnfT3_fjB27vFpjr

Anúncios