Momento poesia – C0D1G0 B1NÁR10 – De José Antônio Klaes Roig

C0D1G0 B1NÁR10 (José Antônio Klaes Roig)

Há sempre um código secreto
entre o zero redondo e o um aberto,
entre a tua ausência presente
e a minha presença ausente,
toda vez que estamos distantes…
Assim também ocorre na vida
e na estranha simbologia do amor,
em que uma sucessão de uns e zeros,
tudo ou nada, um sim ou um não,
mudam a nossa vida por completo…
Passamos a ver o mundo com outros olhos…
Olhos de Borges vagando na escuridão
de sua imensa biblioteca…
Passamos a ouvir coisas e mais coisas,
ecos da orelha de Van Gogh,
dentro da noite estrelada, pintada lá fora…
Vivemos entre o que está codificado pelas palavras,
necessitando da lenta decodificação pelo olhar…

Ligado ou desligado,
falso ou verdadeiro, sim ou não…
Eis, o código binário,
sistema matemático para criar
todo um universo virtual…
Linguagem de máquinas incapaz
de computar a dor ou a alegria de um quase-amor…
Sistema de numeração posicional,
numeração natural, expressa em linhas…
Natural mesmo é o amor, jamais a solidão…

Eu nada espero e tudo desejo…
Tua presença inibe a minha ausência,
entre o um e o zero, o sim e o não.
Só a linguagem matemática do amor
para provar que entre o um e o zero,
entre o sim e o não,
existe algo mais imperceptível,
indizível e indivisível,
incalculável e indecifrável,
como um talvez…
Da sucessão de zero e um, um e zero,
cria-se um mundo novo virtual,
da sucessão de palavras mágicas
e dos olhares intensos,
nasce um novo mundo real, feito um ninho:
binário, pois ninguém consegue viver de todo sozinho…

José Antonio Klaes Roigé educador em Rio Grande-RS

Observação 1: Poema acima escrito em 09/03/2010, e protegido pela lei de direitos autorais.
Observação 2: Imagem acima, fragmento de colagem de autoria de Roig, feita a partir de recortes de revistas antigas, usando apenas tesoura e cola bastão, e digitalizado o resultado para o computador.

Conheça mais o trabalho e os poemas de José Antônio Klaes Roig nos blogs Control Verso e Educatube

About these ads